Ó Deus, que entre todos os anjos Escolhestes Miguel para comandar vosso exército, Chamando-o de semelhante a Deus. Trazei a mim a força e a proteção de Miguel, Para derrotar meus opositores, Para me dar a vitória, Para guardar meus passos. Arcanjo guerreiro, luta comigo! Arcanjo guerreiro, trabalha comigo! Arcanjo guerreiro, afasta de mim o mal!

domingo, 8 de junho de 2014

ANJO DO DIA 08 DE JUNHO

Anjo Cahetel
 Este anjo exerce domínio sob a produção agrícola, principalmente as que são necessárias para a sobrevivência de homens e animais.Quem nasce sob a influência deste anjo possui harmonia e equilíbrio entre espírito e matéria, tem maturidade e domínio sobre seu "eu". Devido à sua maturidade espiritual, muitas vezes sente-se deslocado entre amigos ou familiares que têm dificuldade em entendê-lo. Segue seu coração e tem grande intuição, mostrando-se humilde quando transmite com sabedoria seu conhecimento e entendimento. Não tem medo de nada e está sempre de malas prontas para viajar e descobrir novos horizontes mas a sua terra será sua vida e sua casa, sabendo dividir generosamente sua prosperidade com os mais próximos.Poderá ter sucesso na agronomia e veterinária, principalmente na especialidade de reprodução animal. Poderá ser rico proprietário de terras ou comerciante de produtos agrícolas. Poderá fazer sucesso com qualquer coisa que tenha relação com a terra ou com a natureza, pois respeita e defende suas leis. Número de sorte: 06 Mês de mudanças: junho Horário: das 02:20 às 02:40 horas

 Salmo: 94 e 95
Salmo 094
 1 Ó Senhor, Deus da vingança, ó Deus da vingança, resplandece! 2 Exalta-te, ó juiz da terra! dá aos soberbos o que merecem. 3 Até quando os ímpios, Senhor, até quando os ímpios exultarão? 4 Até quando falarão, dizendo coisas arrogantes, e se gloriarão todos os que praticam a iniqüidade? 5 Esmagam o teu povo, ó Senhor, e afligem a tua herança. 6 Matam a viúva e o estrangeiro, e tiram a vida ao órfão. 7 E dizem: O Senhor não vê; o Deus de Jacó não o percebe. 8 Atendei, ó néscios, dentre o povo; e vós, insensatos, quando haveis de ser sábios? 9 Aquele que fez ouvido, não ouvirá? ou aquele que formou o olho, não verá? 10 Porventura aquele que disciplina as nações, não corrigirá? Aquele que instrui o homem no conhecimento, 11 o Senhor, conhece os pensamentos do homem, que são vaidade. 12 Bem-aventurado é o homem a quem tu repreendes, ó Senhor, e a quem ensinas a tua lei, 13 para lhe dares descanso dos dias da adversidade, até que se abra uma cova para o ímpio. 14 Pois o Senhor não rejeitará o seu povo, nem desamparará a sua herança. 15 Mas o juízo voltará a ser feito com justiça, e hão de segui-lo todos os retos de coração. 16 Quem se levantará por mim contra os malfeitores? quem se porá ao meu lado contra os que praticam a iniqüidade? 17 Se o Senhor não tivesse sido o meu auxílio, já a minha alma estaria habitando no lugar do silêncio. 18 Quando eu disse: O meu pé resvala; a tua benignidade, Senhor, me susteve. 19 Quando os cuidados do meu coração se multiplicam, as tuas consolações recreiam a minha alma. 20 Pode acaso associar-se contigo o trono de iniqüidade, que forja o mal tendo a lei por pretexto? 21 Acorrem em tropel contra a vida do justo, e condenam o sangue inocente. 22 Mas o Senhor tem sido o meu alto retiro, e o meu Deus a rocha do meu alto retiro, e o meu Deus a rocha do meu refúgio. 23 Ele fará recair sobre eles a sua própria iniqüidade, e os destruirá na sua própria malícia; o Senhor nosso Deus os destruirá.

Salmo 095
 1 Vinde, cantemos alegremente ao Senhor, cantemos com júbilo à rocha da nossa salvação. 2 Apresentemo-nos diante dele com ações de graças, e celebremo-lo com salmos de louvor. 3 Porque o Senhor é Deus grande, e Rei grande acima de todos os deuses. 4 Nas suas mãos estão as profundezas da terra, e as alturas dos montes são suas. 5 Seu é o mar, pois ele o fez, e as suas mãos formaram a serra terra seca. 6 Oh, vinde, adoremos e prostremo-nos; ajoelhemos diante do Senhor, que nos criou. 7 Porque ele é o nosso Deus, e nós povo do seu pasto e ovelhas que ele conduz. Oxalá que hoje ouvísseis a sua voz: 8 Não endureçais o vosso coração como em Meribá, como no dia de Massá no deserto, 9 quando vossos pais me tentaram, me provaram e viram a minha obra. 10 Durante quarenta anos estive irritado com aquela geração, e disse: É um povo que erra de coração, e não conhece os meus caminhos; 11 por isso jurei na minha ira: Eles não entrarão no meu descanso.

http://www.viverempaz.com/

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Que ao entrar os anjos estejam ao seu redor, ao sair que os anjos lhe acompanhe! Obrigada pela visita!! Paz e Luz!!! Volte Sempre!!

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.

Que ao entrar neste Recanto você sinta a presença do Arcanjo Miguel. Abraços Fraternos Ana Dias